Chocolate Quente Cremoso – Receita Fácil

chocolate quente
Chocolate Quente era desde os primórdios a bebida dos deuses na América Central, sabia? Chocolate vem da palavra Xocolatl, algo como “água amarga” (de xoco, que quer dizer amargo, e atle, “água”).

Quando Cristóvão Colombo pisou as Caraíbas em 1502, esta bebida já existia e conta-se a lenda de que o deus Quetzalcoatl, foi quem ensinou o cultivo do cacaueiro e a transformação dos seus frutos para os seus súditos.

Que tal experimentar essa bebida com um ligeiro toque de cremosidade?

Utilizamos a ajuda de um robot de cozinha para a confecção dessa receita, não tem um? Sem problemas, siga os ingredientes e cozinhe em fogo médio que vai ficar igualzinho.

Receita Fácil – Chocolate Quente Cremoso

chocolate quente cremoso

Rendimento: Para 4 Pessoas

Tempo de Preparo: Menos de 15 minutos

Ingredientes

  • 200 g de chocolate culinário;
  • Uma pitada de sal;
  • 40 g de açúcar mascavo/mascavado;
  • 30 g de amido de milho, (peneirado);
  • 1 litro de leite;
  • Canela em pau, a gosto.

Modo de Preparo: Chocolate Quente Cremoso



Assista para ver como fizemos esse delicioso Chocolate Quente Cremoso.


  1. Coloque no copo o chocolate; rale-o na função TURBO por quatro ou cinco vezes;
  2. A seguir, coloque a pá misturadora no copo e acrescente o sal;
  3. Junte o amido de milho peneirado e os restantes ingredientes;
  4. Tape, programe 9 minutos na temperatura de 90ºC e na velocidade 3 ou 4;
  5. Deixe esfriar um pouco e sirva quente.

Curiosidade: Sabia que os Maias foram o primeiro povo a cultivar o cacau de forma sistemática?

Posteriormente os Teutec (povo que sucedeu os Maias), expandiram o cultivo do cacau, tal como os Astecas que dominaram as regiões central e sul do México.

Mais tarde no século XIX, com o aparecimento da máquina de prensagem que separava a manteiga de cacau da pasta de chocolate, surgem então os tabletes de chocolate (barras).

Veja também:
Trança de Chocolate e Nozes
Brigadeiro de Colher

Siga-nos através do nosso canal no Youtube “Prato Dileto”.


Até a próxima receita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *